Visit Us On FacebookVisit Us On Instagram
Óleo no Nordeste: navio Bouboulina foi responsável por vazamento diz PF

Navio pertence a empresa grega Delta Tankers LTD.

PorMichael Caceres

A Polícia Federal confirmou que o óleo venezuelano que atingiu as praias do Nordeste foi vazado pelo navio grego Bouboulina, que pertence a empresa Delta Tankers LTD.

Na decisão do juiz federal Francisco Eduardo Guimarães Farias, da 14ª Vara Federal em Natal, que ordenou busca e apreensão empresa Lachmann Agência Marítima e na Witt O’Brien’s, a embarcação é  apontada como responsável pelo crime ambiental.

As empresas são representantes da mercadante grega no Brasil, sendo uma responsável pela divulgação e contato, enquanto que a outra faz recomendações e cuida de planejamento para a empresa em casos de acidentes no mar.

Os investigadores cumpriram mandatos no Rio de Janeiro, nas sedes  das empresas, como também na casa de contatos da Tankers no Brasil.

Através da Operação Mácula, que investiga o derramamento no litoral brasileiro, os investigadores descobriram que o navio atracou na Venezuela no dia 15 de julho, permaneceu por três dias e seguiu rumo a Cingapura, vindo a aportar apenas na África do Sul.

Como informado pelo Gospel Prime, os responsáveis podem sofrer penas do crime de poluição previsto no artigo 54 da lei ambiental, bem como o crime do artigo 68 da mesma lei, decorrente do fato de não ter havido comunicação às autoridades acerca do incidente.

www.gospelprime.com.br

4, Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *